Falando com os filhos sobre a Consciência Negra

Estimular nossos filhos a respeitarem a história do negro, a se amarem, a aceitarem um ao outro como são, é essencial para a formação dessa consciência negra que não surge em um dia de folga na escola ou no trabalho, mas sim, em cada atitude segura e orgulhosa de nossas raízes. #20deoutubro #diadaconsciêncianegra

Então, ajude seu filho a pensar nas pessoas em várias dimensões. Eles têm um parente ou amigo com quem compartilham o mesmo tom de pele ou identidade racial, mas que gosta de coisas diferentes das que eles gostam? Eles têm um parente ou amigo que tem um tom de pele ou identidade racial diferente da deles, mas que gosta das mesmas coisas que eles gostam?
Incentivar seu filho a pensar nas pessoas como multidimensionais pode ajudar a reduzir o preconceito.

 

Sobre a data 

Além da festa e da lembrança histórica, a data foi idealizada para marcar e abrir o debate sobre as políticas de ações afirmativas para o acesso dos negros, ao que um Estado democrático de direito deve oferecer a todo e qualquer cidadão: direito à educação (inclusive superior), à saúde, à justiça social, entre outros aspectos. Mesmo que o mito da democracia racial brasileira seja cantado em verso e prosa por todos os cantos desse mundo domesticado, pelo pensamento politicamente correto, precisamos ter consciência de que as feridas abertas por três séculos pelo regime escravocrata no Brasil ainda precisam ser sanadas verdadeiramente; assim como o déficit social e a carga de preconceito que o rastro desse longo período deixou.

 

Deixe uma resposta