Compras para os bebês

image

Depois que você tem filho, algumas compras acabam sendo obrigatórias..
Mas onde vale a pena comprar? Farmácias, supermercados, lojas infantis, etc

Fraldas:
Essas são as responsáveis por várias compras. Geralmente, os recém-nascidos sujam no mínimo oito fraldas descartáveis por dia. Isso quer dizer que no primeiro mês o bebê vai gastar mais de 200 fraldas! Mas não vale a pena fazer grandes estoques de fralda descartável. Você vai precisar testar vários tipos de fralda para ver qual não vaza, não dá alergia, não aperta o bebê, e isso varia de criança para criança, e também muda conforme ela vai crescendo. E decididamente a farmácia não tem o melhor preço!! O bairro do Pari (SP) possui uma loja com ótimo preço e vende de caixa. O walmart e o Sams Clube também possuem preços mais em conta.

Algodão :
A farmácia possui rolos de algodão que nunca encontrei no mercado e são mais baratos do que as opções que eles possuem. Eu usei muito para limpar o bumbum do Pedro com água morna quando era bebezinho.

Lenços umedecidos:
Quando o Pedrinho fez um ano, passei a usar os lencinhos umedecidos, que são uma espécie de coringa na hora da troca, principalmente fora de casa. Valem para limpar de emergência a mão da mãe que ficou suja ou o pezinho do bebê que encostou na fralda de cocô. Os preços variam bastante e depende da promoção, mas o Sams Clube pra mim ainda é mais barato.

Fórmula de leite artificial: Há inúmeras opções de fórmulas infantis, mas elas são receitadas pelo pediatra. Um bebê que seja alimentado só com fórmula vai consumir entre 5 e 8 latas (400 g) no primeiro mês, e esse número aumenta para até 10 latas por mês nos meses seguintes. Os preços variam bastante entre farmácias e supermercados, portanto é importante pesquisar.

Gostaram das dicas! É sempre bom saber né?!
Se você tiver alguma sugestão, manda para o blog!

*Bjins*

Deixe uma resposta