Daqui 10 anos, como você quer estar e onde quer estar?

O papel principal do exercício físico ou atividade é promover a saúde física e psíquica.

O exercício físico auxilia as mães antes da gestação e após, inclusive auxiliando no trabalho de parto e na recuperação da mãe.  Independente se for cesárea ou parto normal. Eu mesma senti esses benefícios no meu parto, me ajudando tanto na respiração, quanto na resistência.

Mas, muitas mamães reclamam de ter que fazer exercícios físicos, por isso trouxe um especialista para dar algumas dicas e alertas também.

O que pode ser feito para a rotina de treinamento ser mais prazerosa?

O professor da Academia Tem Esporte Itu, Pedro Paulo Leite, diz que uma boa alternativa para isso é buscar os exercícios mais dinâmicos. Por isso, que é importante conversar com o profissional de educação física, que esteja capacitado e habilitado a exercer a função.

Utilizando como opção gestos motores mais lúdicos, que representem as atividades que a pessoa exerce na sua vida diária. Por exemplo, eu adoro vôlei, então no meu treino de musculação tem exercícios que simulam os gestos desta modalidade, respeitando sempre a minha individualidade biológica.

“Cada mamãe tem que ter um treino pré-escrito de forma individual. Não dá pra fazer o treino da amiga ou da vizinha. Cada um tem a sua necessidade”, explica o professor Pedro.

Outra forma de deixar o treino mais prazeroso é a opção de intervalos mais curtos, com tempos reduzidos, que além de estimular a degradação da gordura e a melhoria da condição muscular, vai contribuir inclusive para a parte psíquica. O exercício físico auxilia até na depressão pós-parto.

Além disso, as academias possuem aulas variadas, onde você pode variar os estilos, o que é bastante estimulador.

“É importantíssimo a gente ter em mente que o exercício vai modular a imunidade e nos dar a longevidade”, alerta Pedro.

Geralmente as atividades englobam uma hora do dia, ou seja, apenas 4% das 24h do dia. Então mamães, não tem desculpas. E enquanto você treina, ainda pode deixar o filho na natação por exemplo, como eu mesma faço. E isso é muito bom, porque eu estimulo o Pedrinho a gostar de atividades físicas.

A Academia ainda pode ter fins corretivos posturais, socialização, terapêutico, ou seja, o estético é uma consequência do trabalho bem direcionado, onde a regularidade é fundamental para a otimização dos resultados almejados.

Os benefícios que as mamães têm com os exercícios, serão sentidos lá na frente, quando for fazer atividades com o próprio filho, com a família. Terá uma capacidade física e cardiovascular muito melhor para poder usufruir da longevidade com o filho.

É importante você se organizar, se estruturar, e observar as prioridades que você tem na sua vida…

O Professor Pedro faz uma reflexão: Quando seu filho tiver 10 anos. Onde você quer estar?  Como você quer estar?  Por isso, cuide de você para ter uma afinidade maior com seus filhos, para poder, inclusive, ajudá-lo. Muito importante se manter ativo para usufruir desta relação maravilhosa de pais e filhos.

 

Pedro de P. L. Aguiar

Graduado em Educação Física pelo Ceunsp; Pós-graduado em bioquímica, fisiologia, treinamento, nutrição desportiva pela Unicamp; e Pós-graduado em fisiologia do exercício com ênfase em envelhecimento, saúde e doenças na USP.

 

 

 

Deixe uma resposta