FAMA Museu reabre espaço físico com nova exposição

O Museu retoma visitações presenciais respeitando protocolo de saúde e higiene estabelecido pelos órgãos de saúde pública. Na ocasião, inaugura a coletiva ‘Acervo em exposição’ e apresenta mostra de Tarsila do Amaral

Apesar de não parecer, as crianças gostam de fazer passeios em museus. O Pedrinho já conheceu alguns: Museu da Imaginação, Museu da Imagem e do Som, MASP, Catavento Cultural, Museu do Futebol, Museu de Microbiologia do Instituto Butantã, FAMA, Museu Republicano Convenção de Itu, Museu de Energia Itu, etc, e ele sempre fica com um olhar curioso a cada obra.

Além de um local de cultura, o museu desperta nas crianças um novo mundo de cores, de formas, de texturas, e uma forma de expressar ao mesmo tempo as suas impressões e emoções. É uma forma de despertar a criatividade e imaginação. Mas antes de levar o seu filho a um museu é muito importante que fale com ele sobre o que vão ver e aprender.

No final de semana voltamos ao FAMA Museu, instituição sediada em Itu, no interior de São Paulo, que reabriu seu espaço físico para visitação do público no dia 26 de maio.

A retomada de atividades presenciais segue orientações da Prefeitura da Estância Turística de Itu, com de medidas categóricas de proteção, saúde e higiene estabelecidas pela Organização Mundial de Saúde (OMS), além dos órgãos brasileiros de Saúde Pública e de autoridades acadêmicas e demais especialistas do assunto.

Acompanhando a reabertura, a FAMA inaugura a mostra Acervo em exposição, que traz o processo de pesquisa e produção da Coleção Marcos Amaro, desenvolvido pela equipe do Museu. Como um jogo, a regra de estruturação da exposição seguiu desejos coletivos de propor a reflexão e o debate sobre temas atuais voltados ao corpo e sua representação em contextos de conflito e desestabilização.

As obras da exposição, de artistas de diferentes gerações, ainda convidam o público a pensar os movimentos artísticos que problematizam a concepção do objeto de arte e seu caráter social, como o Concreto e o Neoconcreto no Brasil.

Através de uma metodologia colaborativa, a equipe da FAMA se colocou no exercício de estabelecer dinâmicas de mediação para apresentar ao público possibilidades de associar e dissociar, aproximar e afastar saberes e repertórios vinculados às obras presentes nas salas Almeida Júnior, Labirinto e Sala 5 da Fábrica de Arte Marcos Amaro.

Seguem em cartaz as exposições Tarsila: Estudos e Anotações, que reúne 203 obras guardadas por mais de cinco décadas da vista do público e Ontologias, com obras dos artistas Cabral, Kandro e Marcos Amaro que dialogam e trocam experiências sobre a existência do ser. A Sala Tunga também está aberta para visitação.

Para quem quiser conhecer a FAMA sem sair de casa, o novo site interativo do museu disponibiliza uma visita virtual, que permite conhecer gratuitamente o espaço formado por Jardim Dona Helena, Galpão, Sala Marcos Amaro, Sala Almeida Júnior, Sala 5, Sala Tunga e ainda o Labirinto, novo espaço da FAMA Museu que apresenta a instalação Leviano 9 (2019) da artista Laura Lima.

Funcionamento

Neste início, o horário de funcionamento será reduzido, de quarta a domingo, das 11h às 17h. Para evitar aglomerações, recomenda-se o distanciamento social de pelo menos 2 metros e atenção às sinalizações nos espaços do museu.

Os ingressos serão disponibilizados no site do Museu ( famamuseu.org .br / ) e visitas acontecem mediante hora marcada. Em caso de impossibilidade da realização do agendamento online, o visitante poderá fazê-lo presencialmente, considerando a capacidade máxima permitida. O ingresso para visitação à FAMA Museu é gratuito, salvo a atual exposição Estudos e Anotações, de Tarsila do Amaral, cujo valor é de R﹩ 10,00 a inteira, R﹩ 5,00 a meia para estudantes, professores, educadores e moradores de Itu e gratuidade para menores de 10 anos e maiores de 60 com comprovante, pessoas não neurotípicas com acompanhantes, museólogos registrados no COREM e membros ICOM Brasil.

Pessoas com mais de 60 anos de idade ou com dificuldade de locomoção, mulheres grávidas e pessoas com crianças de colo têm acesso preferencial à recepção e salas expositivas. O museu oferece cadeiras de roda, conforme a necessidade do público.

Serviço:
Reabertura da FAMA Museu – Fábrica de Arte Marcos Amaro
Endereço: Rua Padre Bartolomeu Tadeu, 09 – Vila São Francisco – Itu/SP
Funcionamento: de quarta-feira à domingo, das 11h às 17h
Entrada gratuita

Exposição Estudos e Anotações, de Tarsila do Amaral
Funcionamento: de quarta-feira à domingo, das 13h às 17h
Inteira R$ 10,00
Estudantes/professores/educadores R$ 5,00 (necessário documento de comprovação)
Residentes em Itu R$ 5,00

Exposição Acervo em exposição
Funcionamento: de quarta-feira à domingo, das 11h às 13h na Sala Almeida Júnior e das 13h às 17h na Sala 5.
Entrada gratuita

Exposição Ontologias
Funcionamento: de quarta-feira à domingo, das 11h às 17h
Entrada gratuita

Sala Tunga
Funcionamento: de quarta-feira à domingo, das 13h às 17h
Entrada gratuita

Gratuidade

Menores de 10 anos com comprovante
Maiores de 60 anos com comprovante
Pessoas não neurotípicas
Museólogos registrados no COREM
Membros ICOM Brasil

Entrada gratuita às quartas-feiras

Alguns registros que fizemos lá, sempre sem flash para não prejudicar as obras:

Deixe uma resposta