Mini surfista

Yan Söndahl

Seu filho já começou a se interessar por algum esporte radical? Então se prepare, porque hoje isso está muito em alta entre a molecada.

O Pedrinho adora skate, não pode ver um que já quer subir em cima, mas como ele ainda tem dois anos, só fica olhando. A mamãe aqui ainda não deixa, rs.

Conversei com um menininho surfista que já tem até patrocínio. Espia só!

Yan Söndahl começou a andar de skate aos 5 anos de idade e ao mudar de Curitiba para São Francisco do Sul-SC, começou a pegar suas primeiras ondas,  treina cerca de 4 horas todos os dias,  onde vem evoluindo seu surf gradativamente.

Yan participa do Circuito Estadual Carioca e Circuito Nova Geração ASN , único estado que possui uma categoria Pré-Petit.

Em 2012 fez dois Surf Treinos no Peru, em seu primeiro sagrou-se campeão sub 10 em Piscinas, Campeonato Canteras Del Norte, sua viagens ao Peru fazem com que ele cada vez mais vá descobrindo  seu surf, aprendendo e se apaixonando pelo esporte!!

Agradeço ao meu pai, minha mãe, minha avó que sempre estão me incentivado, a quem me patrocina e me apóia, e a Deus por tudo que está acontecendo, obrigado também a galera que me acompanha pelo FB, a vibe é excelente” Lembrem-se: “ O medo é a oportunidade de demonstrar a coragem”.

A mamãe fica apreensiva com medo que o filho sofra com as derrotas, sempre torcendo pela vitória do filho e muito preocupada com sua integridade física.

O pai é tranquilo, incentivador, sempre dando força para que ele se supere cada vez mais. Sofreu um pouco quando passou o cargo de treinador para o Leandro da Silva, pois gosta de estar sempre perto, agora, está prestes a virar fotógrafo de água, para estar ali, do ladinho.

Segundo os pais, o surf não interfere em nada nos estudos. “Conseguimos administrar bem fazendo trabalhos durante as viagens e sempre em contato com a equipe pedagógica da escola, por sinal, é um dos melhores alunos de sua sala de aula. Seus treinos são de manhã e quando está em viajem recebe por e-mail suas matérias e a mãe, que é pedagoga, o auxilia nos estudos”.

Vamos ao Ping-pong que eu fiz com ele:

Nome: Yan Thomazi  Söndahl

Apelido: Yan Söndahl

Idade: 8 anos

Patrocínio: HD Hawaiian Dreams,  Sea Cult, Srs Surfboards, O´Neill, Dragon, Shapers Fins e CT Surfwax

Mania: surfar

Qualidade: ajudar as pessoas

Defeito: preguiça de acordar cedo

Melhor campeonato: 1ºLugar (ASN Niterói , Canteras Del Norte “Piscinas-Peru” 2012 )

2º Lugar Ranking ASN 2012, 3º Lugar Ranking Carioca Sub 14 2012, 1º Lugar Taça Gromets Paraná de Surf

Melhor onda: Cacimba do Padre, ARPEX, Maresias, Guarda do Embaú e São Francisco do Sul onde moro.

Melhor viagem: Lobitos – Cerro Azul- Peru

Melhor manobra: Floater,  Aéreo (quase completei)

Prancha dos sonhos: as minhas da SRS, que são feitas especialmente para mim, pelo meu Shaper Rodrigo Silva

Comida que mais gosta: Arroz Carreteiro, Macarrão Gravatinha com molho de frango que minha Vovó  Natalia faz.

Comida que detesta: milho na comida

Bebida: Chá de hortelã com abacaxi

Animal de estimação: Meus Labradores e minhas Tartarugas

Sempre no ipod: Rodolfo Abrantes, Oficina G3, Tribo de Louvor, Dominic Bali

Nunca no ipod: pagode e sertanejo

Time que torce: Coritiba Football Club e Botafogo

Melhor jogador do mundo: Messi

Programa de TV legal: Os Simpsons, South Park

Mulher bonita: Minha Mãe

Melhor surfista do mundo: Kelly Slater, mas, curto Medina.

Se não fosse surfista seria: Skatista

Os dias sem onda são bons para: andar de sk8,  jogar no PC, estudar

Crowd: Tem que se acostumar

Localismo: Ainda não sofri isso, sempre fui bem recebido, mas deve ser chato, foi Deus que fez o mar para todos, meu pai sempre fala tem que saber entrar e sair onde quer você vá e com convite para voltar.

Se o mundo acabasse amanhã: ia brincar bastante com minha família

Três pedidos para o gênio da lâmpada: ir para Noronha, Indonésia e o melhor skate do mundo e mais leve.

Surf é: Arte a vaca faz parte.

Fofo de mais hein mamães!

Bjins

Deixe uma resposta