Multiculturalidade prepara alunos para serem cidadãos do mundo

Você já ouviu falar em multiculturalidade? Essa característica é mais comum de ser encontrada em colégios internacionais e têm como objetivo preparar o aluno para que seja um “cidadão do mundo”, desenvolvendo uma mentalidade cultural mais ampla e inclusiva.

Aqui no Brasil são poucas as escolas que possuem o certificado que os chancelam a carregar tal título: são apenas cinco que possuem os níveis correspondente ao ensino fundamental e médio. A Sphere International School, de São José dos Campos, é uma destas escola que sabe lidar com a multiculturalidade dos alunos ensinando a tolerância e o respeito. Brasileiras, árabes, coreanas, argentinas, americanas, uruguaias e irlandesas são algumas das nacionalidades que convivem juntas no ambiente escolar.

Uma ótima ideia é promover alguns eventos em que a diversidade cultural é o carro-chefe.

Mensalmente, o projeto reúne todos os alunos em um almoço temático, homenageando determinado país. É por meio da refeição que os estudantes aprendem fatos importantes sobre a cultura de países como o Marrocos, França, Peru e Costa Rica sendo apresentados, inclusive, a novos paladares. No cardápio são servidas saladas, guarnição, prato principal, sobremesa e alguma bebida típica. Além disso, o refeitório é decorado e os alunos curtem música ambiente de acordo com o país.

Semana de la Hispanidad

No mês de outubro, os alunos do Ensino Fundamental II fazem uma imersão no espanhol. Sendo o Brasil o único país da América do Sul falante da língua portuguesa, por que não aproximar os alunos da diversidade linguística dos países vizinhos? Eles participam de karaokê e preparam um cardápio especial. A proposta das atividades é abranger o contato com a cultura, conhecendo desde o Memorial da América Latina, até recebendo palestrantes nativos que contam suas histórias.

International Party

A festa de fim de ano reúne atrações artísticas, desde a Educação Infantil até Fundamental II. É o principal momento de celebração, agradecimento e reconhecimento da diversidade cultural do colégio. Cada faixa etária tem uma particularidade: os pequenos cantam músicas clássicas do universo infantil, o Ensino Fundamental I foca em musicais e o Fundamental II, com uma pegada mais adolescente, promove uma revelação de talentos. Há quem cante, toque instrumentos musicais e até recitam poesias.

Deixe uma resposta