Neuropsicóloga dá dicas para estimular o contato visual

Você já observou se seu filho faz contato visual consistente? Embora muitos pais se preocupem em um primeiro momento se os filhos enxergam, observar como as crianças fazem o contato visual é tão importante quanto, já que a visão é essencial para o desenvolvimento de outras habilidades. Isso porque as crianças aprendem muita coisa observando o outro, sejam adultos e outras crianças. E se ela não observa, também não aprende, e, logo, não se desenvolve. 
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
A neuropsicóloga Bárbara Calmeto, do Autonomia Instituto, explica que é necessário observar alguns detalhes, como se esse contato visual têm intenção comunicativa e/ou quantas vezes ele faz esse contato durante uma hora, por exemplo. “Essas informações vão balizar os dados que precisamos para avaliarmos a consistência ou não dos comportamentos verbais de uma criança. A visão é um fator que precisa ser desenvolvido porque é muito importante dentro da comunicação, das relações interpessoais e do aprendizado de qualquer criança, inclusive da autista”, pontua.

Abaixo, ela sugere 5 atividades simples que podem ajudar a estimular o contato visual da criança. Confira:
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
– Consiga a atenção da criança e faça a atividade escolhida com muita alegria, barulhinhos engraçados e diversão;
– Engaje a criança na sua brincadeira;
– Dê paradas de tempos em tempos para que a criança reaja pedindo continuidade da atividade através do contato visual;
– Reforce fazendo mais atividade com maior intensidade;
– Se a criança não te olhar nas primeiras vezes, repita o processo e engaje-a mais na sua brincadeira. Mantenha a posição frente a ela e da mesma altura, para facilitar esse contato visual.

Deixe uma resposta