Primeira viagem com o bebê

O feriado já está aí, e se esta é a primeira vez que você viaja com o seu bebê de avião ou de carro, é bom se programar para não passar nenhum estresse.

A minha primeira viagem com o Pedrinho foi de carro e ele tinha menos de 1 mês. A viagem foi curta, porque eu tinha medo dele começar a chorar, mas no final, deu tudo certo.

Já a viagem de avião, aconteceu no ano passado e ele tinha 1 ano e 4 meses. Escolhi um percurso curto de novo, porque fiquei com medo de ser cansativo para ele. A ida foi tranquila, ele  dormiu bastante, mas na volta, não queria parar quieto de jeito nenhum (rs).

Bom, mas nas duas viagens, a primeira coisa que eu fiz foi consultar essas listas do que levar e me programar para qualquer imprevisto, Parece bobagem, mas para uma mãe de primeira viagem como eu, não é!  😉

Carregar bebês em uma viagem é o de menos: eles não são lá muito exigentes, dormem bastante, não precisam de um cardápio variadíssimo. O problema é a tralha necessária para cuidar deles.

Então, se você chegou aqui, também precisa das listas. E aí vão elas..

O que devo levar na bagagem de mão quando viajo de avião com bebês?

pedro no avião

• 1 ou duas mamadeiras vazias (para colocar os líquidos oferecidos no avião, como água ou suco);

• Leite artificial (caso use);

• Alimentação, como papinhas (caso a companhia aérea não forneça);

• Chupeta;

• Fraldas;

• Lenços umedecidos, toalha ou chumaços de algodão (para molhar com água no banheiro) para higiene;

• Pano de boca;

• Travesseiro (caso a companhia aérea não forneça um);

• Coberta ou blusa de frio (para proteger do ar-condicionado);

• Brinquedos silenciosos (para não incomodar os outros passageiros);

• Duas trocas de roupa;

• Medicamento para febre e outros que costuma usar.

Agora, veja abaixo uma lista de itens indispensáveis para viajar com seu filho de carro, além de dicas para fazer as malas sem muita confusão.

pedro (carro)Se ainda não tem uma cadeirinha de bebê no seu carro, compre uma e a instale corretamente. Crianças pequenas sempre devem viajar bem protegidas.

  •  No carro, há mais espaço para bagagem, por isso, leve um trocador portátil, carrinho e bebê-conforto.
  •  Se possível, viaje antes das 7h ou depois das 20h, quando as temperaturas são mais amenas.
  •  Se a viagem for longa, faça pausas a cada 2h para alimentar, trocar o bebê e tomar um ar.
  •  Leve um kit de primeiros socorros e muita água.
  •  Não se esqueça dos travesseiros – eles podem deixar a criança muito mais confortável.
  •  CDs infantis fazem a festa da criançada e distraem os pequenos por bastante tempo.

Fraldas descartáveis – Calcule uma para cada hora em que estiver em trânsito, mais algumas para o caso de atrasos ou emergências. Informe-se antes se é fácil comprar fraldas onde você vai estar. O ideal é só carregar as necessárias para o trajeto.

Manta(s) – Leve pelo menos uma, de acordo com o clima. Um edredom leve pode servir de tapete ou colchão para o bebê ficar no chão.

Sacos plásticos – Carregue vários, para guardar fraldas sujas, roupas molhadas, babadores melecados, sapatos cheios de areia e lama etc.

Pomada antiassaduras

Lencinhos umedecidos – Podem ser substituídos por fraldas de pano limpas ou quadradinhos de algodão, mais uma garrafinha de água para molhá-los na hora.

Sabonete líquido – É melhor levar aquele a que seu filho está acostumado. Se ele tiver pele seca, leve também um hidratante.

Lenços de papel – Procure na farmácia embalagens pequenas, para levar na bolsa.

Chupetas extras – Se seu filho usar, é claro.

Roupas – Duas trocas por dia. Pense em “camadas” para agasalhar seu filho, em vez de levar casacos pesados (a menos que você esteja indo para um lugar muito frio).

Lençóis e toalhas – A menos que você esteja indo para um hotel, ou para a casa de um parente que vá oferecer esses itens. Mesmo assim, vale a pena levar algumas toalhas de tecido de fralda, mais macias.

Babadores – Dê preferência aos de plástico, que podem ser limpos com um pano úmido.

Mamadeiras

Lavador de mamadeiras – Você pode levar um esterilizador de microondas se tiver acesso a um aparelho desses durante a viagem. Senão, apenas escalde as mamadeiras com água quente ou fervendo.

Chapéus e bonés para protegê-lo do sol

Filtro solar (FPS de pelo menos 30), repelentes e/ou mosquiteiro – Siga a orientação do pediatra para o uso desses produtos. Se ele liberar, leve inseticidas também para combater mosquitos nos ambientes.

Remédios básicos – Termômetro, antitérmico, antigases (leia o artigo sobre a farmacinha doméstica).

Cópia da certidão de nascimento do bebê e carteirinha do plano de saúde– Leve também o telefone do pediatra e do plano de saúde, se tiver. Em viagens para o exterior, é necessário o passaporte do bebê.

Comida, fórmula, água e talvez suco – Leve mais do que o necessário para o trajeto, pois sempre pode haver imprevistos.

Colher e copinho preferido – Para dar um remédio, ou um potinho de comida, ou raspar uma maçã. O copo também pode facilitar na hora de dar sucos ou água

Lampadinha – Para trocas de fralda e mamadas no meio da noite, em um lugar desconhecido que pode ser muito escuro.

Canguru ou sling – Se você tiver. São leves, não ocupam espaço e aliviam seus braços na hora do colo.

Piscininha inflável – Para usar como banheira (pode ser substituída por uma bacia grande que já esteja no local) ou para refrescar o bebê na praia ou na piscina.

Berço desmontável – Se não houver lugar para o bebê dormir. Outra opção, para viagens curtas, é deixá-lo dormir junto com vocês.

Carrinho – De preferência do tipo guarda-chuva, leve e que não ocupe muito espaço.

Dicas para fazer as malas:

Pedro e a mala

  • Comece a preparar as coisas alguns dias antes      de viajar. Vá juntando o que precisa levar à medida que se lembra, e      colocando tudo num lugar só. Imprima a lista acima e vá dando baixa no que  já pegou.
  • Leve uma sacola impermeável, resistente e  fácil de carregar no dia-a-dia para as coisas do bebê. Às vezes a bolsa de fraldas que você já usa não é a mais adequada para a viagem (ou por ser muito grande, ou por ser muito bonita para enfrentar intempéries e areia,  por exemplo).
  • Carregue na bolsa com as coisas do bebê uma  camiseta extra para você, para o caso de imprevistos.
  • Embale remédios e produtos como xampu e sabonete líquido dentro de sacos plásticos, para evitar vazamentos
  • Leve um trocador portátil para o bebê.
  • Mantenha na bolsa um lanchinho de emergência para você, como um pacotinho de castanha de caju ou uma barra de cereal.
  • Não esqueça, além da câmera fotográfica, os cartões de memória ou filmes, além das pilhas e do carregador, se tiver.
  • Leve alguma coisa interessante para ler. O mais provável é que você não tenha muito tempo, mas vai que o bebê resolve tirar uma bela soneca e te dar uma hora de tranquilidade…

Fonte: Babycenter

 

Tudo pronto! Agora, bora viajar meninas. Bjins

Deixe uma resposta