Trilhas e aventuras com crianças. É possível!

Desde que o Pedrinho nasceu já começamos a pegar estrada, percursos curtos, mas logo pegamos avião e foi muito divertido. Sim, é possível! E olha, que muitas dessas viagens que fizemos até hoje (cerca de 100) eu fui sozinha com ele e deu tudo certo

A influenciadora Frécia Melo também é dessas, e agora ela conta como a maternidade não atrapalhou em nada a sua agenda de explorar a natureza de norte a sul.

Muita gente tem a impressão de que com filhos não dá para viajar. Os horários da comida, do soninho, da troca de fraldas etc., podem assustar logo de início e fazer com que muitas mães e pais desistam de sair de casa.

Mãe do Noah, que hoje está com dois anos de idade, readequou alguns hábitos e aprendeu a levá-lo em todas as suas empreitadas, de trilhas à cachoeiras, praias e acampamentos. “Tem gente que acha que eu sou muito corajosa, eu não vejo assim. Meu marido e eu sempre gostamos de explorar trilhas, viajar, enfim, temos uma vida movimentada. Com o nascimento do Nono foi muito natural incluirmos ele na nossa rotina e não mudá-la por completo”, diz.


“Moramos em Formosa (GO), aqui nas redondezas tem muitos passeios e cachoeiras e por ser um território conhecido, com um mês de vida já o levamos com a gente para algumas aventuras”, conta Frécia.

A influenciadora acredita que é sim possível fazer atividades com os pequenos na natureza, sempre adaptando para o que a família consegue encarar, seja uma trilha de 100 metros ou subir uma montanha. Com a ajuda do marido eles revezam a cadeirinha do Noah, cada um leva por um trecho. Eles estão sempre no radar da hidratação e procurando pontos para fazer paradas para uma troca de fraldas, amamentar ou até para que ele possa tirar um cochilo.

“Estudo minimamente o trajeto que vamos fazer e me programo, com os lanches que ele pode precisar, quantas vezes vamos parar, enfim, todos os detalhes. Mesmo assim, tudo pode acontecer então tem que ter muito bom humor, os pequenos têm o tempo deles então é respeitar e explicar as coisas para eles. Eu gosto de apresentar o destino, essa é uma maneira tanto de entretê-lo quanto de despertar curiosidade”, completa. Frécia também sente que os passeios ajudaram muito no desenvolvimento do Noah como um todo, que hoje é muito simpático e desinibido, além de estar muito mais próximo da natureza.

E claro, além de todos os benefícios que o pequeno tem no seu desenvolvimento, ainda está acumulando um álbum incrível de fotos e vídeos para reviver essas aventuras quando for mais velho.

Outra dica importante para quem gosta de registrar o percurso é sempre estar com uma GoPro em mãos. “Uso a GoPro em todos os passeios, é uma forma fácil para gravar e ainda não perder a atenção do Nono, que inclusive já filma e tira foto também. Eu ligo, posiciono e o resto é por conta da câmera, normalmente eu faço vídeos em alta resolução e depois tiro frames para ter fotos incríveis. Eu até fico mais segura sabendo que ele não vai conseguir quebrar a câmera, que é bem resistente”.

Para quem está querendo começar a embarcar os filhos na aventura, Frécia também indicou alguns destinos. Sul do Maranhão (MA), Chapada dos Veadeiros (GO) e Maragogi (AL) são alguns dos favoritos. A maioria das crianças gostam muito de praia, água e, com toda certeza, quem tem filhos, precisa de um lugar animado, com entretenimento. Nesses lugares e possível fazer passeios baratos, acessíveis e que agradam tanto as crianças quanto qualquer outro membro da família.

Tomou coragem!?

Deixe um comentário